Correção de Manchas

Correção de Manchas
5 (100%) 5 votos

Correção Manchas

Correção de Manchas

Correção de Manchas

Ilustração do resumo de Peeling pelo Dr.Cláudio Lemos

Ao longo dos anos, o corpo sofre diversas mudanças causadas pelo envelhecimento. Uma das mudanças que ficam mais evidentes em homens e mulheres acima dos 65 anos é o surgimento de manchas na pele.

O Que Causa Mancha na Pele?

As manchas de idade são pequenas áreas da pele que sofrem a hiperpigmentação, condição onde a melanina é produzida em excesso, causando escurecimento e são identificadas como pequenos pontos escurecidos e achatados na pele, com coloração acastanhada ou preta.

Ilustração de uma Mancha em Local Frequente na Face

Ilustração de uma Mancha em Local Frequente na Face.

O desenvolvimento da hiperpigmentação pode ocorrer por conta da longa exposição ao sol e aos raios UV sem o uso contínuo de protetor solar, influência e desequilíbrio hormonal, inflamações e lesões na pele.

As manchas da idade aparecem principalmente no rosto, mãos e colo e podem causar desconforto na aparência, dificultando os cuidados com a saúde e qualidade de vida na terceira idade.

Ilustração de Manchas Dispersas em Toda Face

lustração de Manchas Dispersas em Toda Face.

Como Tratar Manchas de Idade?

A correção de manchas de idade pode ser feita através do peeling químico, um procedimento estético que melhora o aspecto da pele em poucas sessões.

Como Funciona o Peeling Químico?

O peeling químico é uma solução de substâncias químicas como fenol e ácidos alfa hidróxidos que é aplicada na pele para provocar a separação, descamação e o surgimento de uma nova pele mais lisa, menos enrugada e sem manchas de idade.

Ilustração de uma Paciente com o Tratamento

Ilustração de uma Paciente com o Tratamento.

Um médico cirurgião plástico realiza a aplicação da solução química em formato de creme ou pasta que deve ficar na pele do rosto ou de outras partes do corpo de acordo com o tempo determinado pelo especialista. A reação dos ácidos é atingir até a camada média da pele, descamando a pele lesionada com manchas, tratando rugas, linhas finas e acnes superficiais.

O peeling químico provoca a formação de crostas e descamações que são retiradas pelo especialista. Em seguida, são usados produtos tópicos para promover a melhora, elasticidade e firmeza da pele.

Dependendo de cada caso, é possível ver o resultado logo após a primeira sessão de correção de manchas. O número de sessões, o tipo de ácido e os níveis de aplicação também dependem de cada caso. Algumas aplicações podem precisar de um tipo de sedação para evitar a dor e o desconforto durante o procedimento e no pós-peeling.

Níveis de Peeling Químico

Dependendo de cada caso e condições de mancha de idade, o peeling químico pode ser aplicado em quatro níveis:

  • Muito Superficial – camada superior da pele para remover manchas superficiais, descamações e aspereza. O resultado final melhora a maciez e brilho da pele;
  • Superficial – Atinge a epiderme e remove manchas acentuadas, acne ativa, rugas finas e aspereza;
  • Médico – o ácido atinge a epiderme, derme papilar e camadas superficiais da derme reticular para suavizar manchas profundas, sulcos faciais e cicatrizes de acne;
  • Profundo – atinge a derme reticular, removendo manchas extensas e profundas, suavizando o envelhecimento total da pele, e profundas cicatrizes de acne.

Como é a Preparação Para o Peeling Químico?

Antes de fazer o procedimento, é fundamental que o paciente siga todas as orientações do especialista para garantir um bom resultado.

  • Pare de fumar pelo menos 30 dias antes do procedimento;
  • Use cremes hidratantes e protetor solar com frequência;
  • Informe ao especialista se existe formação de queloide e cicatriz hipertrófica em sua pele;
  • Informe ao especialista se existe formação de queloide e cicatriz hipertrófica em sua pele;
  • Faça todos os exames e avaliações necessárias.

O Que é Pós-Peeling?

O pós-peeling é um período fundamental para garantir os cuidados com a saúde da pele e o resultado do tratamento. Por isso, fique atento e siga todas as orientações do médico cirurgião plástico:

  • No pós-peeling, a pele fica muito sensível e avermelhada. É fundamental que o paciente use cremes tópicos ministrados pelo especialista de acordo com todas as orientações;
  • Não deve ocorrer exposição ao sol nos primeiros 30 dias. Em casos inevitáveis, o uso de protetor solar, óculos de sol e lenço é fundamental para que novas manchas e inflamações não apareçam;
  • O uso de protetor solar deve se estender para evitar novas manchas;
  • Este é o período ideal para parar de fumar. O cigarro causa envelhecimento precoce e outras lesões na pele;
  • Retire as escamas da pele de acordo com as orientações do especialista.

Qual o Resultado do Peeling Químico?

O peeling químico promove a renovação da pele, corrigindo manchas, rugas finas e marcas de acne. O resultado pode ser visto no final da primeira sessão, proporcionando uma pele com textura mais lisa e coloração uniforme sem presença de manchas.

Lazer CO2 Fracionado

Outro tratamento para a correção de manchas de idade é o Laser CO2 Fracionado, técnica que promove o rejuvenescimento da pele através de algumas sessões de aplicação de laser.

Ilustração de um Paciente se Submetendo a um Procedimento de Laser

Ilustração de um Paciente se Submetendo a um Procedimento de Laser.

Como Funciona o Laser CO2 Fracionado?

O Laser CO2 Fracionado é uma aplicação de laser com alta afinidade que promove a vaporização da água da pele na camada epidérmica, proporcionando a cicatrização e estimulo à formação de colágeno.

A técnica de fração permite a aplicação de raios menores que atinge a pele mais profundamente em regiões menores, acelerando o processo de recuperação.

O procedimento dura cerca de 45 minutos. As aplicações de laser são feitas após a sedação local para evitar dores e desconfortos.

Como é a Preparação Para o Laser CO2 Fracionado?

É fundamental para aplicação do Laser CO2 Fracionado:

  • Pare de fumar pelo menos 30 dias antes do procedimento;
  • Use cremes hidratantes e protetor solar com frequência;
  • Informe ao especialista se existe formação de queloide e cicatriz hipertrófica em sua pele;
  • Hidrata-se tomando água todos os dias e com muita frequência;
  • Faça todos os exames e avaliações necessárias.

O Que Faz Depois do Laser CO2 Fracionado

  • Siga todas as orientações do especialista;
  • Evite a exposição ao sol nos primeiros 30 dias para evitar o aparecimento de novas manchas;
  • Aplique compressas geladas ou compressas de camomila nas primeiras horas para aliviar a dor e o inchaço, situação comum à aplicação do laser;
  • Faça hidratação com cremes ou óleos específicos indicados pelo especialista;
  • Faça o uso de filtro solar mesmo no inverno.

Qual o Resultado do Lazer CO2 Fracionado?

Dependendo de cada caso, é possível identificar o resultado após a primeira sessão de aplicação do Laser CO2 Fracionado. A correção de manchas e o rejuvenescimento da pele podem ser notados nos primeiros dias após o procedimento.

Como Fazer a Correção de Manchas?

O médico cirurgião plástico Dr.Cláudio Lemos Lemos possui diversas especializações em cirurgia plástica em idosos e tratamentos para correção de manchas de idade. Agende sua avalição e faça o tratamento para recuperar a beleza da pele e sua autoestima.

Quanto Custa um Procedimento Para Correção de Manchas?

O custo em relação a um procedimento para a correção de manchas, é uma das perguntas mais frequentes que recebemos na nossa página do site e através dos nossos telefones. É bem difícil encontrar também está resposta na internet, a não ser que um paciente revele, e mesmo assim, o valor varia de pessoa para a pessoa por diversos motivos. A prática de divulgação de valores de serviços é vetada pela lei. Segundo a RESOLUÇÃO 1.974/11 do CFM, 6. Proibições gerais – XIV: (…) é vedado ao médico: divulgar preços de procedimentos, modalidades aceitas de pagamento/parcelamento ou eventuais concessões de descontos como forma de estabelecer diferencial na qualidade dos serviços.

Em relação ao valor variar de pessoa para pessoa e de clínica para clínica, conforme a RESOLUÇÃO CFM Nº 1.836/2008, Art. 3º: Cabe ao médico, após os procedimentos de diagnóstico e indicação terapêutica, estabelecer o valor e modo de cobrança de seus honorários, observando o contido no Código de Ética Médica, referente à remuneração profissional. A clínica e o cirurgião plástico não vendem um produto e sim um serviço, e esse serviço é personalizado, cada paciente vai ter a sua particularidade, um diferente resultado, uma complicação de saúde que merece atenção redobrada, uma expectativa e até mesmo métodos diferentes para o mesmo procedimento de correção de manchas em outra pessoa, por exemplo.

Parece simples, mas o valor de uma cirurgia plástica não é tabelado. Depende de uma série de fatores e para o cirurgião poder avaliar todos esses fatores, ele necessita, invariavelmente, de uma consulta. Além dos honorários médicos, outros custos estão envolvidos, como honorários do anestesista, instrumentador (a), cirurgião auxiliar, custos da clínica/hospital (que podem variar dependendo do material utilizado; se o paciente precisa passar a noite, ou se precisa uma diária extra, eventualmente), valor da prótese entre outras necessidades do procedimento. A decisão de submeter-se a uma cirurgia plástica deve ser bem pensada. A economia em alguns casos pode significar um problema muito grande no futuro, por isso é importante ter certeza e investir em um bom profissional.