Cirurgia de Panturrilha

Cirurgia de Panturrilha
5 (100%) 3 votos

Cirurgia de Panturrilha

As próteses ou implantes de panturrilha são utilizadas na cirurgia de panturrilha (plástica de aumento das panturrilhas), um procedimento cirúrgico para melhorar o formato e o volume das panturrilhas. Muitas pessoas estão insatisfeitas com o aspecto de suas panturrilhas ao ponto de evitar usar roupas que deixem suas pernas à mostra. Em casos assim, muitas vezes os exercícios ou a academia não são suficientes para dar o volume necessário a estes casos. A cirurgia de panturrilha é bem indicada em casos assim e também em outras situações, como em lesões nervosas, onde pode haver deterioração muscular, ou em sequelas de trauma, onde pode se ter perdido tecido na panturrilha.

Implante de Panturrilha

Algumas doenças que envolvem a perda muscular das panturrilhas são: sequela de poliomielite (paralisia infantil), pé torto congênito (pé equinovaro) e espinha bífida. Apesar de a causa da falta de músculo na panturrilha poder ser decorrente de doença, a maior procura nos consultórios médicos de cirurgia plástica é por pessoas que, apesar de possuírem hipotrofia muscular da panturrilha (pouco músculo), esse menor volume é simplesmente constitucional, sem doença causadora.

Para realçar a panturrilha ou dar mais volume às pernas, de um modo natural e atraente, Dr.Cláudio Lemos realiza a cirurgia de panturrilha em um procedimento rápido e indolor. Homens e mulheres normalmente procuram a cirurgia de prótese de panturrilha por motivos diferentes. Enquanto homens procuram apenas um maior volume e maior definição das panturrilhas, as mulheres comumente visam um equilíbrio anatômico entre o quadril e os membros inferiores.

Músculos da Panturrilha

De uma forma simplificada, podemos dizer que a dificuldade em se conseguir uma maior massa muscular na região da panturrilha está na relação entre o calcanhar, a fossa poplítea (parte de trás do joelho) e a inserção do músculo da panturrilha. Músculos com inserção alta ficam mais “esticados” e têm dificuldade em fazer uma “barriga” quando contraídos. Músculos com inserção baixa ficam menos “esticados” e conseguem fazer mais volume quando contraídos, porém apresentam um comprimento menor. Felizmente, a prótese de silicone consegue melhorar o aspecto de panturrilhas com os dois tipos de inserção muscular.

Músculos da Panturrilha

Quem Tem Indicações de Cirurgia de Implantes nas Panturrilhas?

Cirurgia de Implantes na Panturrilha

Cirurgia de Implantes na Panturrilha

Hipertrofia Natural das Panturilhas

A cirurgia de prótese de silicone na panturrilha tem sua indicação principal nos casos de pouco volume nas panturrilhas, principalmente na parte medial, de modo que quando o paciente fica em pé, tem-se a impressão de que suas pernas são finas e muito afastadas. Mais recentemente, tem-se indicado também a colocação de uma segunda prótese de panturrilha de silicone, na parte médio-lateral da panturrilha, suprindo o volume naqueles casos em que se necessita de um volume maior, ou onde a estética ficaria melhor com a segunda prótese.

Sequelas de Traumas, Acidentes ou Queimaduras

Outra situação onde se indica adequadamente o uso de prótese de silicone nas panturrilhas é quando houve uma perda de tecido (perda de substância) em uma panturrilha (ou em ambas), causando uma assimetria ou deformidade que teria um grande benefício com o aumento de volume com o silicone.

Poliomielite – Paralisia Infantil

É uma doença causada por infecção viral, altamente contagiosa, que invade o sistema nervoso e pode causar paralisia total. Afeta principalmente crianças abaixo de cinco anos, normalmente deixando paralisia parcial ou total nos membros inferiores, e não há cura. Felizmente, pode ser prevenida pela vacina, que dura a vida toda. Em 1989, foi registrado o último caso de paralisia infantil no Brasil. Prótese de silicone nas panturrilhas pode ajudar aos pacientes a melhorar assimetria ou dar mais volume ao(s) membro(s) acometido(s).

Espinha Bífida

Trata-se de um defeito da crista neural que compromete o desenvolvimento completo do sistema nervoso, incluindo cérebro, medula espinhal e estruturas teciduais protetoras. É um defeito genético congênito, que frequentemente afeta a mobilidade, podendo haver a necessidade do auxílio de muletas e órteses. Implantes de panturrilhas podem ajudar pacientes que possuem uma panturrilha mais fina ou menor que a outra – devido à lesão nervosa – e pode melhorar o aspecto dos membros inferiores, equilibrando a assimetria.

Pé Torto – Pé Equinovaro

O pé torto congênito é um defeito apresentado ao nascimento, que afeta as regiões do pé e tornozelo, sendo que no pé equinovaro o calcanhar e dedos podem estar virados para dentro. Ocorre mais em meninos – 66%, e pode ser tratado com engessamento seriado, que alonga a região encurtada lentamente até sua posição normal. Algumas vezes, essa condição pode afetar o desenvolvimento dos músculos da panturrilha, causando assimetria, que pode ser tratada com o uso de implante de panturrilha.

A Cirurgia de Prótese de Silicone na Panturrilha

A cirurgia de prótese de panturrilha é realizada sob anestesia peridural e sedação no centro cirúrgico, em um procedimento simples e rápido (normalmente a cirurgia plástica das panturrilhas com silicone dura em torno de 50 minutos). A cirurgia se inicia com uma pequena incisão atrás dos joelhos, normalmente “quebrada” em ziguezague para permitir uma melhor cicatrização. Ao final da recuperação, o ziguezague fica praticamente retilíneo. Em seguida, cria-se o espaço subfascial, junto aos músculos da panturrilha. Pela pequena incisão são introduzidos os implantes de silicone, um a dois de cada lado , e a cicatriz é fechada com pontos internos absorvíveis (Vicryl) e por fora com cola de cianoacrilato (que permite um melhor resultado estético das cicatrizes). Como cada implante de silicone fica situado profundo, no meio do músculo da região da panturrilha (batata da perna), o contorno da perna passa a ter uma aparência jovem e natural.

Cirurgia de Prótese de Silicone na Panturrilha

Cuidados Pós-Operatório da Cirurgia Plástica das Panturillhas

Recomendamos afastamento das atividades físicas como academia pelo período de um mês. Pode-se caminhar naturalmente, mas deve-se evitar fazer longas caminhadas ou correr. Após um mês da cirurgia de prótese de panturrilha, já se podem realizar caminhadas como esporte e, após dois meses, corrida. Academia com peso nos braços e coxas já se pode com um mês, mas para as panturrilhas, somente após o segundo mês. Como a cirurgia é realizada com cola de cianoacrilato, dispensa-se a retirada de pontos e a cola que não cair em três semanas é descolada pelo Dr.Cláudio Lemos em seu consultório. A alimentação é livre, sem restrições e recomenta-se dormir de barriga para baixo durante o primeiro mês após a cirurgia plástica de prótese de silicone na panturrilha.

Quando São Retirados os Pontos Após a Cirurgia de Panturrilha?

Não existem pontos externos, Dr. Cláudio Lemos utiliza uma cola cirúrgica importada (PRINEO), em que não existe a necessidade de pontos externos. A Cola de Cianoacrilato foi recentemente introduzida na Cirurgia Plástica e são poucos os cirurgiões que a utilizam.

Dermabond

Quanto Custa a Cirurgia de Panturrilha?

O custo em relação a cirurgia de panturrilha é uma das perguntas mais frequentes que recebemos na nossa página do site e através dos nossos telefones. É bem difícil encontrar também esta resposta na internet, a não ser que um paciente revele, e mesmo assim, o valor varia de pessoa para a pessoa por diversos motivos. A prática de divulgação de valores de serviços é vetada pela lei. Segundo a RESOLUÇÃO 1.974/11 do CFM, 6. Proibições gerais – XIV: (…) é vedado ao médico: divulgar preços de procedimentos, modalidades aceitas de pagamento/parcelamento ou eventuais concessões de descontos como forma de estabelecer diferencial na qualidade dos serviços.

Em relação ao valor variar de pessoa para pessoa e de clínica para clínica, conforme a RESOLUÇÃO CFM Nº 1.836/2008, Art. 3º: Cabe ao médico, após os procedimentos de diagnóstico e indicação terapêutica, estabelecer o valor e modo de cobrança de seus honorários, observando o contido no Código de Ética Médica, referente à remuneração profissional. A clínica e o cirurgião plástico não vendem um produto e sim um serviço, e esse serviço é personalizado, cada paciente vai ter a sua particularidade, um diferente resultado, uma complicação de saúde que merece atenção redobrada, uma expectativa e até mesmo métodos diferentes para o mesmo procedimento em outra pessoa, por exemplo.

Parece simples, mas o valor de uma cirurgia plástica não é tabelado. Depende de uma série de fatores e para o cirurgião poder avaliar todos esses fatores, ele necessita, invariavelmente, de uma consulta. Além dos honorários médicos, outros custos estão envolvidos, como honorários do anestesista, instrumentador (a), cirurgião auxiliar, custos da clínica/hospital (que podem variar dependendo do material utilizado; se o paciente precisa passar a noite, ou se precisa uma diária extra, eventualmente), valor da prótese entre outras necessidades do procedimento. A decisão de submeter-se a uma cirurgia plástica deve ser bem pensada. A economia em alguns casos pode significar um problema muito grande no futuro, por isso é importante ter certeza e investir em um bom profissional.

Mais Informações no Vídeo: