Suspensão Supercircular

Suspensão Supercircular
5 (100%) 3 votos

Suspensão Supercircular

O Que é o Lifting de Sobrancelhas?

Também conhecido como elevação da testa, o lifting frontal minimiza os vincos que se desenvolvem na testa e ao redor dos olhos, além de reposicionar sobrancelha baixa ou flácida.

Beleza Para a Vida

Melhore a Aparência Com Suspensão Supercircular – Lifting Frontal

Se você está incomodado com as linhas de expressão ou outros sinais de envelhecimento na região da testa, a suspensão supercircular – lifting frontal pode ser bom para você.

Procedimentos de Rejuvenescimento do Lifting Frontal Incluem:

  • Cirurgia de pálpebras para rejuvenescer os olhos,
  • Facelift para corrigir as alterações do envelhecimento no terço inferior da face e do pescoço,
  • Técnicas de Peeling. A suspensão supercircular – lifting frontal é um procedimento individualizado e você deve fazê-lo para si mesmo, não para satisfazer os desejos de alguém ou para tentar se adaptar a qualquer tipo de imagem ideal. A cirurgia de suspensão suprecircular – lifting frontal é uma boa opção para você se:
  • Você estiver fisicamente saudável,
  • Você não fumar,
  • Você tem atitude positiva e realista do resultado cirúrgico.

Quanto Custa uma Suspensão Supercircular?

O custo em relação a uma Suspensão Supercirucular é uma das perguntas mais frequentes que recebemos na nossa página do site e através dos nossos telefones. É bem difícil encontrar também esta resposta na internet, a não ser que um paciente revele, e mesmo assim, o valor varia de pessoa para a pessoa por diversos motivos. A prática de divulgação de valores de serviços é vetada pela lei. Segundo a RESOLUÇÃO 1.974/11 do CFM, 6. Proibições gerais – XIV: (…) é vedado ao médico: divulgar preços de procedimentos, modalidades aceitas de pagamento/parcelamento ou eventuais concessões de descontos como forma de estabelecer diferencial na qualidade dos serviços.

Em relação ao valor variar de pessoa para pessoa e de clínica para clínica, conforme a RESOLUÇÃO CFM Nº 1.836/2008, Art. 3º: Cabe ao médico, após os procedimentos de diagnóstico e indicação terapêutica, estabelecer o valor e modo de cobrança de seus honorários, observando o contido no Código de Ética Médica, referente à remuneração profissional. A clínica e o cirurgião plástico não vendem um produto e sim um serviço, e esse serviço é personalizado, cada paciente vai ter a sua particularidade, um diferente resultado, uma complicação de saúde que merece atenção redobrada, uma expectativa e até mesmo métodos diferentes para o mesmo procedimento em outra pessoa, por exemplo.

Parece simples, mas o valor deste procedimento não é tabelado. Depende de uma série de fatores e para o cirurgião poder avaliar todos esses fatores, ele necessita, invariavelmente, de uma consulta. Além dos honorários médicos, outros custos estão envolvidos, como honorários do anestesista, instrumentador (a), cirurgião auxiliar, custos da clínica/hospital (que podem variar dependendo do material utilizado; se o paciente precisa passar a noite, ou se precisa uma diária extra, eventualmente), valor da prótese entre outras necessidades do procedimento. A decisão de submeter-se a uma cirurgia plástica deve ser bem pensada. A economia em alguns casos pode significar um problema muito grande no futuro, por isso é importante ter certeza e investir em um bom profissional.

Mais Informações no Vídeo: