Resurfacing a Laser
5 (100%) 16 votos

Resurfacing a Laser

O resurfacing a laser reduz cicatrizes faciais, rugas e manchas.

Veja Como o Resurfacing a Laser Funciona:

Hoje, há uma variedade de opções quando se trata de rejuvenescimento da aparência, e uma das mais recentes é o tratamento a laser, que pode reduzir rugas faciais, cicatrizes e manchas. As mais recentes tecnologias a laser dão ao cirurgião plástico um novo nível de controle nos tratamentos a laser, permitindo extrema precisão, especialmente em áreas sensíveis.

O cirurgião utiliza o laser para enviar feixes curtos e concentrados de luz à pele irregular. Este procedimento remove a pele danificada de uma maneira muito precisa, uma camada por vez. Esta abordagem permite que haja menos problemas com hipopigmentação ou clareamento da pele para procedimentos tais como a remoção a laser de cicatriz de acne.

O feixe de laser usado em tratamento a laser remove a camada externa da pele, chamada de epiderme, e simultaneamente aquece a pele subjacente, chamada de derme. Esta ação estimula o crescimento de novas fibras de colágeno. À medida que a área tratada cicatriza, a nova pele que se forma será mais lisa e firme.

Resurfacing a Laser Pode Melhorar Pequenas Deficiências:

  • Linhas Finas e Rugas ao Redor ou Sob Os Olhos, Testa e Boca;
  • Cicatrizes de Acne ou Catapora;
  • Pele Que Não Apresentou Bons Resultados Após o Facelifit;
  • Pele Envelhecida ou Danificada Pelo Sol;
  • Pele Amarelada ou Acinzentada;
  • Verrugas;
  • Marcas de Nascença;

O Resurfacing é Indicado Para Mim?

Pode não ser uma boa opção se você tem:

  • Acne;
  • Pele Muito Escura;
  • Rugas Profundas;
  • Excesso de Pele ou Flacidez.

Pacientes com pele mais escura têm maior risco de que a cicatrização ocorra com pigmentação escura (hiperpigmentação).

Importante – Realize o procedimento com cirurgião plástico qualificado. Em mãos erradas ou inexperientes, o resurfacing a laser pode ser perigoso.

Exemplos de Indicação na Face do Laser

Funções Enumeradas do Resurfacing.

 

O Que Acontece Durante o Tratamento a Laser Facial?

Para que os melhores resultados sejam obtidos, é necessário que tratamentos adicionais de pele sejam realizados para preparar a pele para o procedimento a laser. Muitas vezes, estes tratamentos tem início seis semanas, ou mais, antes do procedimento agendado. Estes tratamentos de pele são personalizados para o seu tipo de pele e para minimizar as complicações. O procedimento leva de 30 minutos a duas horas.

Fisiologia do Procedimento Laser

Ilustração de Como Age o Laser na Pele.

 

Gerenciando o Seu Desconforto:

O resurfacing a laser da pele pode ser doloroso. Assim, o médico pode anestesiar a pele com anestésicos locais. Você também pode tomar um sedativo para ajudar a relaxar. Se você se submeter a resurfacing abrangente, ou se demais procedimentos estéticos forem realizados simultaneamente, o cirurgião pode optar por usar anestésico geral.

Em seguida, o cirurgião lhe dará analgésicos para mantê-lo confortável. No preparo do procedimento, seu rosto será cuidadosamente limpo e você receberá proteção para os olhos. Dois tipos de lasers são comumente usados em resurfacing a laser: dióxido de carbono (CO2) e érbio.

Resurfacing a Laser de CO2:

Há anos os médicos usam lasers de CO2 para tratar diversas doenças da pele. Uma nova geração de lasers de CO2 emite feixes contínuos de luz, removendo precisamente finas camadas de pele ocasionando danos mínimos ao tecido circundante.

Resurfacing a Laser de Érbio:

Este tipo de remoção de rugas é normalmente usado para remover rugas e linhas superficiais e moderadamente profundas do rosto, podendo, também, ser utilizado no pescoço, peito e mãos.

Após o Procedimento:

Após a finalização do procedimento, o cirurgião plástico aplicará curativos específicos para proteger a pele tratada. Troca de curativo ou tratamentos tópicos podem ser necessários para melhorar a cicatrização.

Produtos Usados Após o Procedimento

Ilustração de Alguns dos Produtos Usados Pós-Procedimentos.

Dicas Para Uma Recuperação Mais Fácil:

  • Elevar a Cabeça Com Um Travesseiro Extra a Noite;
  • Aplicar Gelo (Com Devida Proteção) Durante o Primeiro Dia Para Aliviar o Inchaço e Desconforto;
  • Parar de Fumar. O Fumo Dificulta o Processo de Cicatrização.

Resultados:

É possível que a sua pele fique vermelha ou rosa durante vários meses após o procedimento. A pele poderá também ficar mais sensível à luz do sol por até um ano. Portanto, é preciso usar protetor solar diariamente e diminuir a exposição ao sol.

Algumas pessoas que se submetem ao resurfacing a laser podem ver uma diferença imediata na pele tratada. O processo de melhora continua por até um ano. Embora os efeitos do tratamento a laser durem por muitos anos, o processo normal de envelhecimento faz com que rugas e linhas de expressão reapareçam. O tratamento pode ser repetido se necessário.

Quanto Custa um Procedimento Minimamente Invasivo de Resurfacing a Laser?

O custo em relação a um procedimento minimamente invasivo de Resurfacing a Laser é uma das perguntas mais frequentes que recebemos na nossa página do site e através dos nossos telefones. É bem difícil encontrar também esta resposta na internet, a não ser que um paciente revele, e mesmo assim, o valor varia de pessoa para a pessoa por diversos motivos. A prática de divulgação de valores de serviços é vetada pela lei. Segundo a RESOLUÇÃO 1.974/11 do CFM, 6. Proibições gerais – XIV: (…) é vedado ao médico: divulgar preços de procedimentos, modalidades aceitas de pagamento/parcelamento ou eventuais concessões de descontos como forma de estabelecer diferencial na qualidade dos serviços.

Em relação ao valor variar de pessoa para pessoa e de clínica para clínica, conforme a RESOLUÇÃO CFM Nº 1.836/2008, Art. 3º: Cabe ao médico, após os procedimentos de diagnóstico e indicação terapêutica, estabelecer o valor e modo de cobrança de seus honorários, observando o contido no Código de Ética Médica, referente à remuneração profissional. A clínica e o cirurgião plástico não vendem um produto e sim um serviço, e esse serviço é personalizado, cada paciente vai ter a sua particularidade, um diferente resultado, uma complicação de saúde que merece atenção redobrada, uma expectativa e até mesmo métodos diferentes para o mesmo procedimento em outra pessoa, por exemplo.

Parece simples, mas o valor de uma procedimento minimamente invasivo de Resurfacing a Laser não é tabelado. Depende de uma série de fatores e para o cirurgião poder avaliar todos esses fatores, ele necessita, invariavelmente, de uma consulta. Além dos honorários médicos, outros custos estão envolvidos, como honorários do anestesista, instrumentador (a), cirurgião auxiliar, custos da clínica/hospital (que podem variar dependendo do material utilizado; se o paciente precisa passar a noite, ou se precisa uma diária extra, eventualmente), valor da prótese entre outras necessidades do procedimento. A decisão de submeter-se a um procedimento minimamente invasivo deve ser bem pensada. A economia em alguns casos pode significar um problema muito grande no futuro, por isso é importante ter certeza e investir em um bom profissional.

*Baseado em informações do texto de Resurfacing a Laser escrito pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica.