Ulthera
5 (100%) 18 votos

Ulthera

Não há dúvidas de que uma das principais preocupações das mulheres em relação ao seu visual é com o rosto. Afinal de contas, elas podem vestir a roupa que for, o rosto sempre estará lá, exposto. Por isso, o Ulthera é um procedimento que vem sendo cada vez mais procurado por mulheres que se queixam de flacidez facial.

Existem diversas alternativas que podem ser escolhidas para o rejuvenescimento da face, como o lifiting facial e o 8 Point Lift. Porém, para as mulheres que ainda não estão completamente decididas sobre fazer uma cirurgia plastica, o Ulthera se mostra como o procedimento ideal.

Conheça mais a respeito desse procedimentos minimamente invasivo feminino que pode fazer toda a diferença na sua vida, não apenas pela beleza, mas também pela autoconfiança e satisfação com o seu próprio corpo.

Ilustração de um Paciente Sendo Submetida ao Uthera

Ilustração de um Paciente Sendo Submetida ao Ulthera.

 

O Que é o Ulthera?

Basicamente, esse procedimento visa oferecer os resultados que são vistos em um lifting facial, porém sem ter que se submeter a uma cirurgia plástica propriamente dita.

O Ulthera não se baseia na aplicação de um produto específico, mas sim no uso de raios de ultrassom, que são aplicados em pontos específicos da face e atingem camadas profundas da pele, assim como acontece com uma cirurgia de lifting facial.

Porém, o grande diferencial é que, pelo fato de os raios atingirem especificamente essa região mais interna da pele, não existe dor superficial, e a paciente pode ir embora logo depois da finalização do procedimento, sem a necessidade de curativos ou qualquer tipo de cuidado muito especial.
Ilustração de Áreas na Face Para a Utilização do Ulthera

Ilustração de Áreas na Face Para a Utilização do Ulthera.

 

Quais as Vantagens do Ulthera em Relação aos Outros Tratamentos Para Flacidez?

  • 1 – Necessita de apenas uma sessão por ano.
  • 2 – Atinge as camadas mais profundas da pele chegando até a fáscia muscular.
  • 3 – Trata a pálpebra superior.
  • 4 – Não há restrições após o tratamento(dowtime).
  • 5 – Ganho cumulativo no combate à flacidez com efeitos graduais e progressivos.
  • 6 – Resultado natural.
  • 7 – Único aparelho no qual o médico visualiza por ultrassom as áreas tratadas, tratando com maior precisão.
  • 8 – Foi a primeira tecnologia aprovada pelo FDA, há 6 anos, como lifting facial não cirúrgico.

Como o Ulthera é Considerado no Universo dos Procedimentos Estéticos?

Sem qualquer tipo de exagero, esse procedimento é considerado como uma verdadeira inovação na estética, já que é possível obter resultados comparáveis aos de uma cirurgia plástica sem qualquer tipo de incisão, mesmo que mínima.

Além disso, diferente do que acontece com procedimentos como o resurfacing a laser, que podem apresentar complicações e resultados estéticos indesejados para pessoas de pele mais escura, isso não acontece com o Ulthera: todas as pessoas interessadas podem recorrer a ele e obter resultados bastante satisfatórios.

É claro que esse procedimento não visa substituir todos os outros que têm como intuito a elevação da face e a redução da flacidez, mas é uma ótima alternativa para algumas pacientes.

Ilustração Demonstrando a Penetração em Milímetros do Uthera de Acordo com a Ponteira do Ultrassom Utilizada

Ilustração Demonstrando a Penetração em Milímetros do Ulthera de Acordo com a Ponteira do Ultrassom Utilizada.

 

Por Que as Rugas Aparecem?

Essa é uma questão de tempo, e não há como interromper a ação do organismo. Invariavelmente, os níveis de colágeno do corpo diminuem com o passar do tempo, o que acarreta no aparecimento de rugas na face.

Existem algumas alternativas que podem frear um pouco esse aparecimento, como o uso de cremes hidratantes específicos, mas a profundidade da pele que eles atingem é baixa, ou seja, a camada em que o colágeno se encontra não é atendida.

Isso leva, inclusive, muitas mulheres a se desiludirem, já que apostam todas as suas fichas nesse tipo de cosmético e, infelizmente, não obtêm o resultado que desejam. Porém, com o Ulthera, a história será completamente diferente, já que seus efeitos são reais.

Onde o Ulthera Atua?

Existem diferentes camadas da pele, que da superfície para a parte interna, são a epiderme, a derme, a gordura ou tecido conjuntivo e a camada muscular, que fica a uma profundidade de 4,5 mm, inatingível por cremes estéticos e outras alternativas.

Os raios de ultrassom do procedimento de Ulthera atingem todas as camadas, inclusive a muscular, chamada de sistema músculo apoteótico. Assim, o tratamento acontece de dentro para fora, o que resulta em uma eficiência muito maior.

Para saber exatamente qual é o ponto a ser atingido, as imagens de ultrassom são exibidas em um monitor, de modo que a aplicação dos raios seja feita exatamente onde se deseja, o que potencializa seu efeito e traz ótimos resultados.

Quais São os Raios Utilizados no Procedimento?

Esses raios são conhecidos como HIFU (High Intensity Focused Ultrasound, ou ultrassom focado de alta intensidade), o que explica bem a sua atuação na face da paciente.

Eles são uma variação dos raios de ultrassom focado, que entrega os chamados pontos de coagulação térmica (PCT) e, consequentemente, atingem as camadas previamente citadas. Assim que a energia for disparada, o ataque resulta na síntese de colágeno novo, o que tonifica ainda mais a pele.

Quem São as Melhores Candidatas ao Procedimento?

Basicamente, todas as mulheres que tiverem algum sinal de envelhecimento que seja causado pela flacidez da pele podem recorrer ao Ulthera, de modo a ter suas necessidades atendidas através de um procedimento mais prático do que uma cirurgia de lifting.

É a partir dos 30 anos que esses sinais começam a ser mais evidentes, e as mulheres que tiverem flacidez leve ou moderada encontram no procedimento uma excelente alternativa, de rápida recuperação e com possibilidade de obtenção de resultados altamente satisfatórios.

Ilustração Demonstrando o Tempo em Cada Área Demandado em Cada Procedimento

Ilustração Demonstrando o Tempo em Cada Área Demandado em Cada Procedimento.

 

Quanto Tempo o Ulthera Demora?

Uma das principais vantagens desse procedimento é a agilidade com o qual ele é realizado. Geralmente, a duração varia de 45 minutos a 1 hora, ou seja, a paciente pode realizá-lo depois de sair do trabalho ou até mesmo no horário de almoço, por exemplo.

Sem dúvidas, a agilidade é uma necessidade das mulheres modernas, o que torna o Ulthera uma alternativa ainda mais atraente e agradável.

Qual a Duração dos Efeitos do Procedimento?

Os efeitos podem começar a ser sentidos logo que o procedimento é finalizado, embora sejam gradativos. Esse processo ainda continuará por 2 a 3 meses, até que atinja uma estabilidade.

Os efeitos costumam estar presentes na face da paciente por até 1 ano, a menos que o cirurgião plástico indique algo diferente. A partir desse tempo determinado, pode ser necessário realizar um procedimento adicional, para não deixar de sentir os efeitos do Ulthera.

Quantos Tratamentos São Necessários?

Na maioria das pacientes, um único procedimento já é suficiente para obter resultados satisfatórios. Porém, de acordo com a indicação do cirurgião plástico, pode ser necessária mais uma aplicação, para melhorar ainda mais os resultados e aumentar a satisfação das pacientes.

Quanto Custa um Procedimento de Ulthera?

O custo em relação a um procedimento de Ulthera é uma das perguntas mais frequentes que recebemos na nossa página do site e através dos nossos telefones. É bem difícil encontrar também esta resposta na internet, a não ser que um paciente revele, e mesmo assim, o valor varia de pessoa para a pessoa por diversos motivos. A prática de divulgação de valores de serviços é vetada pela lei. Segundo a RESOLUÇÃO 1.974/11 do CFM, 6. Proibições gerais – XIV: (…) é vedado ao médico: divulgar preços de procedimentos, modalidades aceitas de pagamento/parcelamento ou eventuais concessões de descontos como forma de estabelecer diferencial na qualidade dos serviços.

Em relação ao valor variar de pessoa para pessoa e de clínica para clínica, conforme a RESOLUÇÃO CFM Nº 1.836/2008, Art. 3º: Cabe ao médico, após os procedimentos de diagnóstico e indicação terapêutica, estabelecer o valor e modo de cobrança de seus honorários, observando o contido no Código de Ética Médica, referente à remuneração profissional. A clínica e o cirurgião plástico não vendem um produto e sim um serviço, e esse serviço é personalizado, cada paciente vai ter a sua particularidade, um diferente resultado, uma complicação de saúde que merece atenção redobrada, uma expectativa e até mesmo métodos diferentes para o procedimento de Ulthera em outra pessoa, por exemplo.

Parece simples, mas o valor de um procedimento de Ulthera não é tabelado. Depende de uma série de fatores e para o cirurgião poder avaliar todos esses fatores, ele necessita, invariavelmente, de uma consulta. Além dos honorários médicos, outros custos estão envolvidos, como honorários do anestesista, instrumentador (a), cirurgião auxiliar, custos da clínica/hospital (que podem variar dependendo do material utilizado; se o paciente precisa passar a noite, ou se precisa uma diária extra, eventualmente), valor da prótese entre outras necessidades do procedimento. A decisão de submeter-se a uma cirurgia plástica deve ser bem pensada. A economia em alguns casos pode significar um problema muito grande no futuro, por isso é importante ter certeza e investir em um bom profissional.