Redução de Lóbulo de Orelha

Redução de Lóbulo de Orelha
5 (100%) 5 votos

Redução de Lóbulo de Orelha

Redução de Lóbulo de Orelha

O lóbulo é a única parte da orelha que não contém cartilagem, o que faz com que ela seja menos resistente. Existem alguns fatores que podem fazer com que a mulher apresente lóbulos mais flácidos, o que torna necessária a realização da redução de lóbulo de orelha.

Essa é uma cirurgia muito importante para mulheres que apresentem essa condição, já que ela raramente se cura sozinha. Por isso, é imprescindível que a mulher recorra à redução de lóbulo de orelha o quanto antes, de modo a corrigir essa situação rapidamente.

Entenda como funciona a cirurgia para redução do lóbulo da orelha e veja como ela é a solução perfeita para a sua necessidade, seja sua orelha mais ou menos flácida.

Porque o Lóbulo na Orelha Fica Flácido?

São diversos os motivos que podem acarretar nessa situação. Primeiramente, as orelhas, junto com o nariz, não param de crescer durante toda a vida, o que faz com que eles fiquem maiores conforme o tempo passa. Em algumas mulheres, os lóbulos podem ficar demasiadamente grandes.

Além disso, existem também algumas situações que podem acarretar na queda dos lóbulos, como, principalmente, o uso de alargadores e brincos muito grandes ou pesados. Pode ser que esses problemas não sejam causados imediatamente, mas eles podem ficar mais sérios com o passar do tempo.

Acidentes com a orelha também podem acarretar na flacidez do lóbulo, como quando o brinco se prende em alguma superfície e estica o lóbulo. Todos esses casos deflagram a necessidade da realização de um procedimento cirúrgico de redução de lóbulo de orelha.

Como Determinar a Resistência do Lóbulo?

Não existe uma forma de se determinar a resistência da orelha de todas as pessoas, já que isso depende de cada um. Logo, a regra é tomar cuidado e não utilizar brincos que causem a sensação de um peso muito grande na orelha.

Caso você coloque um brinco e perceba que ele está dando a impressão de que seu lóbulo está sendo pressionado, então não hesite em mudar de brinco imediatamente. Mesmo que seja um pequeno período de tempo, isso pode prejudicar o tecido do lóbulo e deixá-lo mais fraco.

É importante ressaltar que não é apenas o peso do brinco que pode prejudicar o lóbulo e criar a necessidade da redução de lóbulo de orelha: o uso de brincos, piercings e bijuterias que apresentem algum tipo de reação alérgica, vermelhidão ou coceira na orelha também podem pode ser prejudicial e enfraquecer a região.

Quando se Faz Necessária a Redução de Lóbulo de Orelha?

Essa é mais uma pergunta que não possui uma resposta definitiva, já que o tamanho da orelha de cada pessoa é diferente. O melhor parâmetro que pode ser utilizado é que você compare o tamanho da sua orelha atualmente com o tamanho que ela tinha antes, de modo a ver se está muito diferente ou não.

Ilustração Demonstrando Inúmeras Indicações Para a Cirurgia do Lóbulo da Orelha

Ilustração Demonstrando Inúmeras Indicações Para a Cirurgia do Lóbulo da Orelha

Ilustração Demonstrando Inúmeras Indicações Para a Cirurgia do Lóbulo da Orelha.

 

Mesmo que a diferença de tamanho não seja muito grande, nada impede que a redução de lóbulo de orelha seja realizada, já que o que mais conta é a forma com que você se sente em relação ao seu corpo. Ainda assim, a avaliação do cirurgião plástico é imprescindível para saber se você é uma boa candidata à cirurgia

Como é Feita a Cirurgia de Redução de Lóbulo de Orelha?

Existem diferentes procedimentos que podem ser realizados para essa cirurgia. Tudo dependerá da avaliação do cirurgião plástico, que determinará qual é mais adequado para a paciente.

Ilustração da Infiltração Anestésica na Cirurgia da Redução do Lóbulo da Orelha

Ilustração da Infiltração Anestésica na Cirurgia da Redução do Lóbulo da Orelha

Ilustração da Infiltração Anestésica na Cirurgia da Redução do Lóbulo da Orelha.

 

Quando a orelha não está apenas larga, mas sim partida, então a cirurgia para orelha rasgada é a solução ideal. Caso a fenda causada pelos brincos, alargadores ou demais acessórios tenha sido demasiadamente grande, o cirurgião completa a separação e depois faz o fechamento de todo o lóbulo.

O procedimento é realizado sob a aplicação de uma anestesia local, de modo que o paciente não sinta dor ou incômodo.

Quanto Tempo Leva o Procedimento?

Por se tratar de um procedimento simples, a redução de lóbulo de orelha não costuma levar mais do que 15 minutos, a menos que o cirurgião plástico enfrente algum tipo de complicação, o que é relativamente raro.

Essa é Uma Cirurgia Estética?

Sim. Basicamente, a redução do lóbulo da orelha não apresenta qualquer tipo de implicação funcional e, portanto, é caracterizada como uma cirurgia plástica.

Quanto Tempo Demora Para Visualizar o Resultado?

O resultado da redução de lóbulo pode ser visto imediatamente, já que assim que a paciente chegar em casa, a diferença será nítida. Porém, assim como acontece em todas as cirurgias plásticas, é preciso esperar por um tempo até que haja uma recuperação completa.

Como Fica a Cicatriz da Redução de Lóbulo de Orelha?

A cicatriz desse procedimento costuma ficar com um visual bastante agradável, já que os pontos são bem pequenos. Depois de aproximadamente 6 meses, a cicatriz terá amadurecido completamente, o que fará com que ela fique quase imperceptível.

Depois de Quanto Tempo é Possível Voltar a Usar Brincos, Alargadores ou Demais Acessórios?

Brincos Grandes e Pesados Que Favorecem ao Alargamento do Lóbulo da Orelha

Brincos Grandes e Pesados Que Favorecem ao Alargamento do Lóbulo da Orelha

Brincos Grandes e Pesados Que Favorecem ao Alargamento do Lóbulo da Orelha.

Essa é uma questão bastante delicada. Por mais que a cirurgia reduza os lóbulos da orelha e faça com que eles fiquem com um aspecto mais belo, a força do tecido na parte que passou pelo procedimento não será a mesma do restante da orelha.

Porém, isso em nada impede o uso de brincos e outros acessórios: basta que a mulher não faça um novo furo na região da cirurgia. Ainda assim, o mais recomendável é conversar com o cirurgião plástico e se informar se a mulher já pode voltar a usar brincos ou se deve esperar mais um pouco.

Mesmo depois da autorização do cirurgião plástico, o ideal é usar brincos menores e mais leves, que não impliquem em eventuais problemas futuros.

Quanto Custa Uma Cirurgia de Redução de Lóbulo de Orelha?

O custo em relação a uma cirurgia de Redução de Lóbulo de Orelha é uma das perguntas mais frequentes que recebemos na nossa página do site e através dos nossos telefones. É bem difícil encontrar também está resposta na internet, a não ser que um paciente revele, e mesmo assim, o valor varia de pessoa para a pessoa por diversos motivos. A prática de divulgação de valores de serviços é vetada pela lei. Segundo a RESOLUÇÃO 1.974/11 do CFM, 6. Proibições gerais – XIV: (…) é vedado ao médico: divulgar preços de procedimentos, modalidades aceitas de pagamento/parcelamento ou eventuais concessões de descontos como forma de estabelecer diferencial na qualidade dos serviços.

Em relação ao valor variar de pessoa para pessoa e de clínica para clínica, conforme a RESOLUÇÃO CFM Nº 1.836/2008, Art. 3º: Cabe ao médico, após os procedimentos de diagnóstico e indicação terapêutica, estabelecer o valor e modo de cobrança de seus honorários, observando o contido no Código de Ética Médica, referente à remuneração profissional. A clínica e o cirurgião plástico não vendem um produto e sim um serviço, e esse serviço é personalizado, cada paciente vai ter a sua particularidade, um diferente resultado, uma complicação de saúde que merece atenção redobrada, uma expectativa e até mesmo métodos diferentes para a mesma cirurgia de Redução de Lóbulo de Orelha em outra pessoa, por exemplo.

Parece simples, mas o valor de uma cirurgia de Redução de Lóbulo de Orelha não é tabelado. Depende de uma série de fatores e para o cirurgião poder avaliar todos esses fatores, ele necessita, invariavelmente, de uma consulta. Além dos honorários médicos, outros custos estão envolvidos, como honorários do anestesista, instrumentador (a), cirurgião auxiliar, custos da clínica/hospital (que podem variar dependendo do material utilizado; se o paciente precisa passar a noite, ou se precisa uma diária extra, eventualmente), valor da prótese entre outras necessidades do procedimento. A economia em alguns casos pode significar um problema muito grande no futuro, por isso é importante ter certeza e investir em um bom profissional.

Entre em Contato